Heloisa Gaspar

Analista de SEO é minha profissão. Motociclista por opção... Você também vai encontrar meus textos nos seguintes blogs: www.pwi.com.br (textos sobre divulgação de sites e sistemas desenvolvidos na PWI) www.andarilhar.com (textos sobre viagens de moto e turismo sustentável)

  • Gilberto Gil no palco. Gilberto Gil fará o show de abertura da FLIP 2013, dia 03/06
  • A FLIP 2013 acontecerá entre os dias 03 e 07 de julho. E, atenção, o show de abertura será com Gilberto GIL.

    O cantor e ex-ministro da Cultura participa da FLIP em 2 momentos importantes: No show de abertura e na Mesa Zé Kleber, no dia 04/07. Nesta mesa, ele debaterá junto à historiadora Marina de Mello e Souza o tema Culturas locais e globais. Este debate se baseia no conceito de DEFESO CULTURAL criado pelo poeta, compositor e cantor caiçara Luis Perequê.

    No nosso site (www.paraty.com.br/flip ) você encontra todas as notícias sobre a FLIP 2013. Mas estamos colocando a programação aqui também, ok?

    Paralelamente acontecem na cidade vários eventos que atendem aos públicos de todas as idades, e trazem atividades bastante diferentes.

    Neste post nós estamos apresentando a programação principal que irá acontecer na tenda dos autores

     

    FLIP 2013 – PROGRAMAÇÃO

     

    DIA 03/07/2013 – QUARTA-FEIRA

    19h30 – Conferência de Abertura: Graciliano Ramos: aspereza do mundo, concisão da linguagem, com Milton Hatoum

    DIA 04/07/2013 – QUINTA-FEIRA

    10h – Mesa 1 -O dia-a-dia debaixo d’água
    Alice Sant’Anna
    Ana Martins Marques
    Bruna Beber
    Mediação: Noemi Jaffe

    12h – Mesa 2 – As medidas da história
    Paul Goldberger
    Eduardo Souto de Moura
    Mediação: Ángel Gurría-Quintana

    15h – Mesa Zé Kleber: Culturas locais e globais
    Marina de Mello e Souza
    Gilberto Gil
    Mediação: Alexandre Pimentel

    17h15 – Mesa 3 – Formas da derrota
    José Luiz Passos
    Paulo Scott
    Mediação: João Gabriel de Lima

    19h30 –    Mesa 4 – Olhando de novo para Guernica, de Picasso
    T. J. Clark
    Mediação: Paulo Sérgio Duarte

    DIA 05/07/2013 – SEXTA-FEIRA

    10h – Mesa 5 – Graciliano Ramos: ficha política
    Randal Johnson
    Sergio Miceli
    Dênis de Moraes
    Mediação: José Luiz Passos

    12h – Mesa 6 – O prazer do texto
    Lila Azam Zanganeh
    Francisco Bosco
    Mediação: Cassiano Elek Machado

    15h – Mesa 7 – A vida moderna em Kafka e Baudelaire
    Roberto Calasso
    Jeanne-Marie Gagnebin
    Mediação: Manuel da Costa Pinto

    17h15 – Mesa 8 – Ficção e confissão
    Tobias Wolff
    Karl Ove Knausgård
    Mediação: Ángel Gurría-Quintana

    19h30 – Mesa 9 – Lendo Pessoa à beira-mar
    Maria Bethânia
    Cleonice Berardinelli

    21h30 –    Mesa 10 – Uma vida no cinema
    Nelson Pereira dos Santos
    Miúcha
    Mediação: Claudiney Ferreira


    DIA 06/07/2013 – SÁBADO

    10h – Mesa 11 – Maus hábitos
    Nicolas Behr
    Zuca Sardan

    12h – Mesa 12 – Encontro com Eduardo Coutinho

     

    Mediação: Eduardo Escorel

    15h – Mesa 13 – O espelho da história
    Aleksandar Hemon
    Laurent Binet
    Mediação: Ángel Gurría-Quintana

    17h15 – Mesa 14 – Os limites da prosa
    John Banville
    Lydia Davis
    Mediação: Samuel Titan Jr.

    19h30 – Mesa 15 – Encontro com Michel Houellebecq

    Mediação: Javier Montes

    DIA 07/07/2013 – DOMINGO

    11h – Mesa 16 – Graciliano Ramos: políticas da escrita
    Wander Melo Miranda
    Lourival Holanda
    Erwin Torralbo Gimenez
    Mediação: José Luiz Passos

    13h – Mesa 17 – Tragédias no microscópio
    Daniel Galera
    Jérôme Ferrari

    15h – Mesa 18 – Literatura e revolução
    Tamim Al Barghoutti
    Mamede Mustafa Jarouche
    Mediação: Arthur Dapieve

    17h – Mesa 19 – A arte do ensaio
    Geoff Dyer
    John Jeremiah Sullivan
    Mediação: Paulo Roberto Pires

    18h45 –    Mesa 20 – Livro de cabeceira
    Mediação: Liz Calder
    Convidados da Flip leem e comentam trechos de seus autores favoritos.
    Essa festa você não pode perder!

    Para consultar hospedagens ou pacotes de viagem para o FLIP,clique aqui e acesse nosso site.

     

     

    Ah… Só para lembrar: Você pode receber as notícias sobre Paraty se cadastrando no site ou  curtindo nossa página no facebook  ou ainda via  twitter.

     

  • Herbie Hancock aos teclados durante show no festival de Jazz.. Imagem em preto e branco
  • Para quem curte música instrumental, saber que Herbie Hancock está vindo para Paraty para esse Festival é um prato cheio. Unir os encantos de Paraty ao talento do músico!

     

    Herbie Hancock, em sua juventude
    Herbie Hancock, em sua juventude

     

    Compositor e pianista, tocou ao lado de grandes músicos, entre eles, Miles Davis (na década de 60), Herbie Hancock possui em sua discografia música clássica, fusion, funk e, lógico, o jazz.

    Herbie Hancock vem ao Brasil para esse show em Paraty, dia 23/08/2013 (gratuito, preciso ressaltar), mas também fará apresentação no Rio de Janeiro (24/08) e São Paulo (22/08)).

    O Movimento MIMO começou na cidade de Olinda (de onde vem o nome Mostra Internacional de Música de Olinda) em 2004 e dá lá vem se espalhando para outras importantes cidades históricas. Este ano é a vez de Paraty!

    O MIMO transformou-se em muito mais do que um encontro de músicos. MIMO é conceito, referência de qualidade e de valorização dos nossos bens culturais. Apresenta concertos com o melhor da música plural; o Festival MIMO de Cinema, com filmes de temática musical, e expressiva programação educativa. Todas as atividades são gratuitas e realizadas em igrejas históricas, teatros e ao ar livre.

    Também temos o MIMO para iniciantes, voltado para crianças de 5 a 10 anos que estudam na rede pública e apresenta aulas-espetáculos ministradas pelo violinista Jerzy Milewski e pela pianista Aleida Schweitzer, com a participação de convidados especiais.

    Essa festa você não pode perder!

     

    Para consultar hospedagens ou pacotes de viagem para o MIMO,clique aqui e acesse nosso site.

     

    Veja algumas imagens de edições anteriores

     

    MIMO 2009. MIMO para Iniciantes. Na foto destaque para Curso de Regencia com o maestro Isaac Karabtchevsky.
    MIMO 2009. (foto de Beto Figueiroa)

     

    Apresentação durante MIMO 2012

     Show durante mimo 2012, emOuro Preto

     

    Ah… Só para lembrar: Você pode receber as notícias sobre Paraty se cadastrando no site ou  curtindo nossa página no facebook  ou ainda via  twitter.

  • Durante o festival da cachaça, forno a lenha com lindas labaredas e bules de bebida em cima
  • Você é umas das pessoas que está esperando ansiosamente pela programação do Festival da Pinga de Paraty de 2013? Então aguarde mais um pouquinho, ok?

    A programação ainda não saiu…  Mas enquanto isso, porque não aproveitar para degustar essa cachaça (já faz um tempo que a pinga passou a ser chamada de cachaça) tão especial?

     

    Imagem de barracão montado para o festival da Pinga de Paraty, com as barracas dos produtores em volta e um espaço grande com a população dançando quadrinha com roupas típicas de festa caipira
    Festival da Pinga 2010

    Muitas das pessoas que visitam Paraty aproveitam para visitar os alambiques da região, seja através de tours programados pelas agências de viagem locais (http://www.paraty.com.br/agencias.asp ), ou alugando bicicletas ou com seus próprios carros (se você estiver dirigindo, sempre é bom tomar cuidado na hora da degustação, certo?). Sei bem que o melhor é fazer uma visita “in loco” aos alambiques e aproveitar as deliciosas degustações por eles oferecidas, conhecer os processos de fabricação, mas… Se você estiver guardando alguns dias de folga para aproveitar e visitar a cidade durante o festival, compre as cachaças em nossa loja. Elas vêm diretamente dos fabricantes e são entregues em todo o território nacional, de maneira fácil e rápida!

    São diversos tipos de cachaça: a tão famosa GABRIELA, tem cachaça caramelada, cachaça envelhecida… Todos com o selo de procedência Geográfica!

     

    Para comprar as cachaças, artesanato, livros e outros produtos de Paraty visite a loja www.paratystore.com.br

    Ah… Cadastre-se no site para receber mensalmente as notícias sobre Paraty ou  curta nossa página no facebook  ou ainda via  siga-nos no twitter.

  • Festival da Cachaça de Paraty. Imagem de balcão de quisque montado na edição de 2012 do festival
  • Está se aproximando o tão esperado Festival da Cachaça (que antes era chamado de Festival da Pinga). Mas você sabe por que este é um evento tão tradicional em Paraty?

     

    A cidade foi fundada em 1667 em torno à Igreja de Nossa Senhora dos Remédios, sua padroeira. Teve grande importância econômica devido aos engenhos de cana-de-açúcar (chegou a ter mais de 250), sendo considerada sinônimo de boa aguardente.  A pinga produzida em Paraty fez tanta fama pela sua qualidade, segundo Monsenhor Pizarro e outros historiadores, que custava mais caro que todas as demais comercializadas no país; e sua importância sócio-econômica foi tão grande desde 1700 que acabou tendo seu próprio nome (Paraty) como sinônimo de aguardente até meados do século XX – todos pediam uma dose de paraty quando desejavam uma simples aguardente!

    Dos mais de 100 alambiques de aguardente que funcionaram no município a partir de meados de 1700, a cidade conta hoje apenas com 7.

    Cachaça de Paraty. Selo de Indicação geográfica

    De tão importante para a economia da região, e mantendo os altos padrões de qualidade, a cachaça de Paraty recebeu o selo de Indicação Geográfica – IG – um instituto jurídico, previsto na nossa Lei da Propriedade Industrial, de 1996, que visa reconhecer e proteger o nome geográfico de pais, região ou localidade, que identifique algum produto ou serviço típico.

    Imagem de alambique com tonéis de cobre onde é produzida a cachaça

    Ah… Fica aqui uma pergunta: Você sabe como surgiu a cachaça (ou como a cachaça foi inventada?)

     

    Em breve sairá a programação do Festival da Cachaça de 2013. Fique ligado!!!

    Você pode receber as notícias sobre Paraty se cadastrando no site ou  curtindo nossa página no facebook  ou ainda via  twitter.

  • Palco durante o show do Incognito, cheio de luzes azuis e amarelas e músicos muito animados
  • O Festival de Jazz de Paraty deste ano foi muito legal! Muita gente reunida, curtindo a programação sem nem perceber o passar das horas!

    Muitos shows memoráveis, músicas encantadoras!!!

    Se você foi, segue aqui um bom momento para relembrar! Se você não pode ir, perdeu… Mas espero que possa compensar nas próximas edições (a gente espera que aconteçam, né?!).

    Noites maravilhosas

     Imagem mostrando o brilho da lua cheia em uma noite do Bourbon Jazz Festival de Paraty. A luminosidade da lua misturada à das luminárias da rua. Noite muito gostosa

     

    Um clima de harmonia

     Público sentado no gramado em frente ao palco durante shows da tarde em frente à Igreja de Santa Rita. Muita gente sentada, num clima muito gostoso, público aplaudindo

     

    Músicos incríveis

     Palco durante o show do Incognito, cheio de luzes azuis e amarelas e músicos muito animados Mart'nália e músicos animando a platéia no último dia do Festival Imagem mostrando o palco do show de Germaine Bazzle do Bourbon Jazz Festival de Paraty 2013. Iluminação azul, a cantora com seus olhos meio fechados, curtindo sua música Palco super iluminado e colorido com os integrantes da banda Big Sam's Funky Nation Stanley Clarke tocando seu baixo elétrico, fazendo caretas, palco iluminado com luzes amarelas e azuis

     

    Mas não fique chateado… Neste ano ainda teremos programações imperdíveis!! Fique ligado nas notícias, faça suas reservas com antecedência e aproveite esse astral maravilhoso que só Paraty pode oferecer.

     

    Ah… Só para lembrar: Você pode receber as notícias sobre Paraty se cadastrando no site ou  curtindo nossa página no facebook  ou ainda via  twitter.

     

     

  • Foto com integrantes do projeto Defeso Cultural e Carlinhos Antunes
  • Paraty é uma cidade maravilhosa mesmo – da exuberância da natureza às atividades culturais, Paraty tem se mostrado como um importante centro de ações, eventos, e movimentos voltados para a preservação do patrimônio histórico e dos saberes regionais.

     

    Uma das mais importantes instituições que trabalham neste sentido é o SILO CULTURAL.  O Silo Cultural é uma instituição sem fins lucrativos criada em 2001 na cidade de Paraty/RJ, por iniciativa do cantor e compositor paratiense Luís Perequê e da bailarina e coreógrafa Vanda Mota, com o intuito de valorizar a cultura caiçara tradicional.

    Dentre diversas atividades promovidas pelo instituto, destacamos aqui a CARAVANA PARATY.

    O Defeso Cultural é um movimento da sociedade civil em defesa, apoio e fortalecimento da cultura popular de Paraty e caiçara, tanto em suas manifestações tradicionais, como contemporâneas. A Caravana Paraty é a principal ação do Defeso Cultural e uma iniciativa inédita para a cultura popular brasileira.

     

    “A Caravana Paraty engloba uma intensa programação que ocorrerá entre os dias 2 e 11 de agosto de 2013 no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), no Rio de Janeiro, e no SESC, em São Paulo (com datas a confirmar). Também estão previstas uma série de apresentações em várias cidades do interior do Rio e em Minas Gerais, além de eventos em Paraty durante todo o ano e, em especial, durante a 11ª edição da FLIP (Festa Literária Internacional de Paraty). A iniciativa conta com o patrocínio da Eletrobrás/Eletronuclear.

    “ – Criamos o Defeso Cultural porque entendemos que as cidades turísticas precisam criar políticas públicas que protejam os períodos onde a comunidade local esteja vivenciando suas tradições culturais e religiosas. Acreditamos que somente com a convivência comunitária é possível produzir uma cultura autêntica. Se as pessoas não tiverem tempo para essa vivência local, acabam se voltando para o turismo em tempo integral e a cultura se perde – enfatiza Perequê.” (http://vimeo.com/defesocultural)

    Para a direção do projeto CARAVANA CULTURAL foi chamado o grande músico e compositor CARLINHOS ANTUNES.

    Com 26 anos de carreira no Brasil e outros mais de 30 países, Carlinhos, que também é historiador pela PUC de São Paulo, já atuou com grandes nomes do Brasil e do exterior, como Tom Zé, Adoniram Barbosa, Jair Rodrigues, Vânia Bastos, Fátima Guedes, entre outros.

    Para conhecer mais sobre o diretor Carlinhos Antunes, acesse o site  http://www.carlinhosantunes.com.br.

    Para conhecer mais sobre o Silo Cultural e Luis Perequê, visite: http://silocultural.blogspot.com.br/ e http://www.luispereque.com.br

    Muito bacana essa iniciativa, né?

     

    Ah… Só para lembrar: Você pode receber mais notícias sobre Paraty se cadastrando no site ou  curtindo nossa página no facebook  ou ainda via  twitter.

3 de 3123