• Imagem de trecho de terra da Serra que liga Paraty a Cunha, tirada no ano de 2000, quando a estrada, apesar de estreita, ainda apresentava condições de tráfego
  • Atenção: Este post foi escrito em 2013. A estrada já foi reconstruída no trecho da serra e atualmente é uma boa opção para ir para Paraty.

    Veja um post mais recente em http://www.paraty.com.br/blog/a-situacao-da-estrada-paraty-cunha-em-abril-de-2016/

     

     

    Você está de saída para Paraty e está confiante com relação ao caminho, pois possui um aparelho de GPS?

    Então preste bastante atenção a este aviso: Escolha o melhor caminho para Paraty antes de iniciar a viagem!

    Não confie no aparelho de GPS. Alguns destes aparelhos estão orientando os motoristas a seguirem pela rodovia que liga Guaratinguetá a Paraty, porém esta estrada encontra-se em estado muito precário, intransitável para automóveis comuns no trecho de serra, também conhecido como Paraty-Cunha.

    Placa que indica início do trecho intransitável da serra de Paraty-Cunha, de terra,
    Placa indicativa de trecho intransitável – Originalmente publicada em www.diariodovale.uol.com.br

    Este trecho, de cerca de 10 km, ainda não foi asfaltado e foi duramente atingido por uma tromba d’água ocorrida no início de 2010. Várias encostas desmoronaram e grandes pedras ficaram no leito da estrada tornando a viagem muito perigosa – Especialmente no período noturno ou sob neblina. Recebi relatos de viajantes incautos que inadvertidamente foram levados a este caminho e demoraram até 5 horas para percorrer este trecho de 10km!

    Além disto, não há um aviso adequado alertando os motoristas sobre o perigo à frente!

    Se você possui Jeep ou veículo 4×4 e muito espírito de aventura pode até optar por este caminho, (mais…)