Paraty - Versão em português Paraty - English version
Baixe o Aplicativo de Paraty

PARATY TURISMO E ECOLOGIA

XXXII Festival da Cachaça, Cultura e Sabores de Paraty 2014

DE 21 A 24 DE AGOSTO DE 2014
XXXII Festival da Cachaça, Cultura e Sabores de Paraty 2014
A 32ª edição do Festival da Cachaça, Cultura e Sabores de Paraty vem aí (21 a 24 de agosto) e com novo formato. Além da programação na tenda principal, no Areal do Pontal, haverá uma série de outras atividades no Paço Municipal (Centro Histórico).

O perfil do evento está mudando para privilegiar a cultura regional, que tem tudo a ver com a história da cachaça em Paraty.

VEJA COMO FOI A PROGRAMAÇÃO DE 2013


AGUARDE A PROGRAMAÇÃO DE 2014

alambiques.png
HISTÓRIA 
A aguardente de cana foi o primeiro produto colonial brasileiro a desbancar similares europeus no mercado internacional. Quase tão antiga quanto o Brasil, a cachaça foi uma conseqüência natural da implantação da agroindústria do açúcar pelos colonizadores portugueses.Sua produção em Paraty, por diversas vezes proibida em vão, foi de tal modo bem sucedida que a cidade, já em 1600, exportava pinga para a Europa e chegou a ter, no final do século XVII, cerca de 160 engenhos de aguardente em pleno funcionamento.

Sua utilização como escambo garantia a preeminência brasileira no tráfico negreiro. Hoje a cachaça é a bebida mais consumida no Brasil e o terceiro destilado mais consumido no mundo. Mais que uma real contribuição para a economia do município, que hoje tem na indústria do turismo sua principal fonte de recursos, a pinga significa muito para a comunidade paratiense.

ALGUMAS MUDANÇAS QUE OCORRERAM EM 2013


Juíza da Comarca, Governo Municipal e Câmara de Vereadores de Paraty traçam normas para XXXI Festival da Cachaça, Cultura e Sabores de Paraty.

Em reunião no último dia 9 com a juíza da Comarca de Paraty, Admara Schneider ficaram definidas algumas medidas para ordenar o evento que deve acontecer entre os dias 15 e 18/08/2013. Uma das principais preocupações é com o consumo da bebida por menores de 18 anos, a juíza entendeu que é necessária a presença do Conselho Tutelar e do Comissariado de Infância e Juventude. Conheça as principais resoluções:

- Nos dias de evento, só será permitida a venda de cachaça com entrega de embalagem de vidro até às 22 horas. Após esse horário a comercialização seria feita através de canecas típicas do evento, doses ou embalagens plásticas.

- Os horários para encerramento ficaram assim: Quinta - 1 hora da manhã; Sexta e Sábado 2 horas; Domingo - Meia noite.

- A reprodução sonora produzida por particulares está proibida, os órgãos de segurança agirão com rigor.

- A APACAP (Associação dos Produtores e Amigos da Cachaça de Paraty) vai entregar pulseiras de identificação para os participantes do evento. Nelas constará a mensagem de que é proibida a venda para menores.

- A fiscalização atuará também junto aos ambulantes que atuam no entorno do evento.

- Haverá uma estrutura para recolhimento de garrafas de vidro descartadas. Locais próprios e catadores estarão disponíveis.

- Haverá ainda uma campanha pro Lei Seca.





<< Voltar

Termos mais procurados

Copyright © 1996-2011 - Paraty Turismo e Ecologia Criação do site: PWI