Paraty - Versão em português Paraty - English version
Baixe o Aplicativo de Paraty

PARATY TURISMO E ECOLOGIA

(30/07/2013)

Palestras do MIMO discutem música e patrimônio cultural

Todas ocorrerão na Casa da Cultura

PALESTRA: A experiência de Ouro Preto e Olinda, primeiras cidades brasileiras patrimônio da humanidade: o que mudou?


SEXTA-FEIRA, 23/08/2013 - 15h - Na Casa da Cultura de Paraty


Tema: Ouro Preto e Olinda foram as primeiras cidades brasileiras a receber o título de Patrimônio Mundial no Brasil, concedido pela Unesco, em 1980 e 1982, respectivamente. Quais os principais impactos do título nestas cidades? Como buscaram se reinventar para enfrentar os desafios do turismo e da sustentabilidade? Esta palestra pretende realizar um balanço dessas duas experiências.

Classificação: História e Arquitetura

Convidado: Angelo Oswaldo
Advogado, jornalista e escritor. Foi presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), prefeito de Ouro Preto, chefe de Gabinete do Ministério da Cultura e secretário de Cultura do Estado de Minas Gerais. Atualmente, é presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram).


PALESTRA: Revisitando Stravinsky

SÁBADO , 24/08/ 2013 - 15h - Na Casa da Cultura de Paraty


Tema: A pianista e compositora paranaense sempre esteve intimamente ligada à criação contemporânea. Pioneira no desenvolvimento de obras multimídia no Brasil é a primeira entre brasileiros a compor e dirigir suas óperas. Apresentou estreias de compositores que dedicaram obras à ela, como Xenakis, Luciano Berio, Claudio Santoro e John Cage. Foi solista sob a regência de Stravinsky. Gravou 22 discos e é autora de quatro livros publicados no Brasil e nos EUA.

Classificação: Música e Patrimônio

Palestrante: Jocy de Oliveira

A pianista e compositora paranaense sempre esteve intimamente ligada à criação contemporânea. Pioneira no desenvolvimento de obras multimídia no Brasil é a primeira entre brasileiros a compor e dirigir suas óperas. Apresentou estreias de compositores que dedicaram obras à ela, como Xenakis, Luciano Berio, Claudio Santoro e John Cage. Foi solista sob a regência de Stravinsky. Gravou 22 discos e é autora de quatro livros publicados no Brasil e nos EUA.


PALESTRA: Nossas joias maiores: as cidades coloniais e a constituição da noção de patrimônio no Brasil


DOMINGO, 25/08/2013 - 15h - Na Casa da Cultura de Paraty


Classificação: História e Arquitetura

Tema: As cidades coloniais ocuparam lugar privilegiado na elaboração e aplicação das políticas de patrimônio no Brasil. Em 1938, o recém-criado Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Sphan) realizou, entre suas primeiras atividades, o tombamento das cidades coloniais mineiras: Ouro Preto, Mariana, São João Del Rei, Tiradentes, Sabará, Diamantina e Serro, inserindo-as entre os Documentos de identidade da Nação brasileira. Essas ações ofereceram elementos valiosos para os valores da arte e história presentes nelas e sua importância na constituição da noção de patrimônio em nosso País.

Palestrante: Vanuza Moreira Braga
É historiadora. Pesquisadora do Laboratório de Pensamento Social do CPDOC/FGV e coordenadora do curso de pós-graduação em História, Patrimônio e Cidade da Universidade Cândido Mendes. É curadora do Fórum de Ideias MIMO.


LOCAL: Casa da Cultura de Paraty - Rua Dona Geralda, 177 - Centro Histórico



  
FONTE:www.mimo.art.br
 


Ver todas as notícias do MIMO
<< Voltar

Termos mais procurados

Copyright © 1996-2011 - Paraty Turismo e Ecologia Criação do site: PWI