Paraty - Versão em português Paraty - English version

PARATY TURISMO
E ECOLOGIA

Estações Musicais
(08/06/2018)

Estações Musicais

Próximos concertos

O Estações Musicais retorna esta semana com duas apresentações da Série Feito em Casa: quarteto de cordas do Grupo de Música de Câmara da Casa da Cultura sexta na Igreja do Rosário, e a música instrumental do Nova Safra sábado no Forte.

8 de junho, sexta | 21h: Igreja do Rosário
Serie Feito em Casa - Grupo de Música de Câmara da Casa da Cultura: Quarteto de Cordas
Iago Pereira, violino
Libert Fernandez, violino
Elivelton Alves, viola
Alexandre dos Santos, violoncelo

O Quarteto de Cordas da Casa da Cultura de Paraty, após sua brilhante estreia no Salão Nobre da Casa, fará o seu segundo concerto na Igreja do Rosário, com três significativas obras do repertório para esta formação de câmara: o
Divertimento K.138 de Mozart, o Quarteto no. 1 de Villa-Lobos, e o Adagio de Samuel Barber. Abrindo o concerto, será a vez dos alunos do grupo de prática de conjunto de cordas orientado pelo prof. Alexandre fazer a sua estreia.

Iago Pereira iniciou seus estudos de violino aos 10 anos no projeto social da cidade de Volta Redonda, logo ingressando na Orquestra de Cordas. De 2008 a 2014 integrou a Orquestra Sinfônica de Barra Mansa, participando de várias turnês em capitais do Brasil e do documentário “Pare, Olhe e Escute”. Em 2012, ingressou na Academia Juvenil da Orquestra Petrobras Sinfônica onde atuou como spalla, e em 2014 fez na mesma instituição uma Residência Artística, atuando como monitor e como musico convidado na Orquestra Petrobras Sinfônica. Desenvolve atividades como professor desde 2010, e cursa atualmente o Bacharelado em Violino na Universidade Federal do Rio de Janeiro na classe do professor Fabio Peixoto, tocando como convidado em concertos da Sinfonietta Carioca, Orquestra Petrobrás Sinfônica e Orquestra Sinfônica Brasileira, contando também com a orientação da violinista Ana de Oliveira.

Libert Fernandez estudou no Uruguai no Conservatório Universitario de Música (EUM), Escuela Municipal de Música de Montevidéu (EMM) e com diferentes professores: Freddy Gerling, Francisco Shlotthauer, Tiago Acosta, Nelson Casale, Artam Craciun, etc. Integrou a OSSODRE (Orquesta Sinfónica del Servicio Oficial de Difusión, Radiotelevisión y Espectáculos), dedicando-se também à música de câmara e às atividades como professor de violino.

Elivelton Alves teve como professores de viola Mariana Salles, Daniel Albuquerque,Diemerson Sena, entre outros, e atualmente estuda com Gabriel. É chefe de naipe das violas e solista da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa, e professor de Viola no projeto Música nas Escolas em Barra Mansa. Com a OSBM, participou da Turnê Brasileira do Balé Kirov e da Turnê Brasileira do Teatro Alla Scala de Milão, bem como da Mostra Internacional de Música em Olinda MIMO, como a Orquestra Residente do curso de Regência do Maestro Isaac Karabtchevsky de 2008 a 2013. Atuou como violista em concertos com Milton Nascimento, Roberto Carlos, Ivan Lins, Simone, João Bosco, Fafa de Belém, Elba Ramalho, Leo Gandeman, Turíbio Santos entres outros.

Alexandre dos Santos iniciou seus estudos de música no projeto de música Volta Redonda Cidade da Música aos 8 anos de idade, permanecendo até os dezesseis anos. Em 2006 ingressou no projeto Música nas Escolas de Barra Mansa como instrutor e integrante da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa. Participou de 2009 a 2011 da 5ª, 6ª e 7ª edições da Mostra Internacional de Música de Olinda - MIMO, e de 2008 a 2010 do XIII, XIV e XV Rio Cello International Encounter. Em 2012, foi para São Paulo para participar do Instituto Baccarelli, integrando a Sinfônica Heliópolis sob direção do maestro Isaac Karabtchevsky, atuando no ano seguinte como professor assistente das orquestras infantil, infanto-juvenil e juvenil. Em 2014 retornou à Orquestra Sinfônica de Barra Mansa, onde foi chefe do naipe de violoncelos até 2017. Em 2014, participou com Quarteto Novo Tom como residente da III Semana Internacional de Música de Câmara no Rio de Janeiro, e em 2017 produziu o I Festival Barracellos, com o violoncelista maestro Diego Carneiro.

9 de junho, sábado | 16h: Forte Defensor Perpétuo
Serie Feito em Casa - Nova Safra
Lucas Dutra - guitarra
Membi Triaca - guitarra
Ruan Amorim - baixo elétrico
João Pinheiro - bateria

Nova Safra é um grupo de música instrumental formado por jovens músicos de Paraty. Trazem um repertório com referências diversas, passeando por standards de jazz, grooves e temas da Música Instrumental Brasileira. Desde o início do ano vem se apresentando pelos bares e restaurantes da cidade. Com uma proposta experimental, buscam integrar no som o espírito de inovação sem perder a essência da linguagem tradicional de cada estilo.

(Caso haja ameaça de chuva, a apresentação será realizada na Casa da Cultura)
<< Voltar

Termos mais procurados

Copyright © 1996 - Paraty Turismo e Ecologia Criação do site: PWI WebStudio